Na decisão do 53º Campeonato da Europa, Portugal até entrou bem, adiantando-se aos três minutos, por Gonçalo Alves.
Mas, num período em que dominou e podia ter disparado no marcador, foi pouco eficaz perante Sergi Fernandez e infeliz, acertando no poste quando o guardião contrário estava batido.
Ao intervalo, Portugal perdia por 3-1, e só conseguiria voltar a marcar depois do quinto golo espanhol, reduzindo para 5-2 por João Rodrigues.
Seria também o capitão português a fazer o terceiro, depois de mais um golo da selecção do país vizinho, mas já se estava no último minuto.
A Espanha celebrou o seu 17º título, mas Portugal continua a liderar a lista de vencedores, com 21 conquistas.
Espanha – Portugal Campeonato da Europa 2018 Palácio de los Deportes de Riazor, Corunha Meias-finais Arbitragem de Joseph Silecchia e Franco Ferrari (Itália) Resultado final: 6-3 (3-1 ao intervalo)
Espanha Sergi Fernandez (gr), Ignacio Alabart (1), Edu Lamas (1), Jordi Adroher (1) e Pau Bargalló (1) – cinco inicial – Ferran Font (2), Albert Casanovas e Nil Roca.
Seleccionador: Alejandro Dominguez.
Portugal Ângelo Girão (gr), Diogo Rafael, Gonçalo Alves (1), Hélder Nunes e João Rodrigues (2) – cinco inicial – Henrique Magalhães, Rafa, Vítor Hugo e Daniel Oliveira.
Seleccionador: Luís Sénica.
Marcha do marcador 0-1 por Gonçalo Alves, 1-1 por Jordi Adroher, 2-1 por Ferran Font, 3-1 por Edu Lamas, 4-1 por Ignacio Alabart, 5-1 por Pau Bargalló, 5-2 por João Rodrigues (ld), 6-2 por Ferran Font, 6-3 por João Rodrigues
Acção disciplinar Cartão azul a Ferran Font e Pau Bargalló.


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Toor

Patrocinadores Oficiais do Hóquei em Patins