Realizaram-se no passado sábado, 26 de março, as Assembleias Gerais da Federação de Patinagem de Portugal, no Hotel VIP Zurique, em Lisboa.

A primeira Assembleia Geral teve, como ponto único, a Discussão e Votação do Relatório de Atividades, Relatório de Gestão, Balanço e demais documentos de prestação de Contas do Ano de 2021 que foi votado e aprovado por unanimidade pelos 38 delegados presentes.

A segunda Assembleia Geral teve três pontos para discussão.

O primeiro ponto compreendia Leitura, Discussão e Votação das Atas n.ºs 3 e 4 de 2021, das Assembleias Gerais anteriores, que foi aprovada por maioria.

No segundo ponto desta Assembleia Geral foi aprovada, por unanimidade, a proposta da Direção da FPP de propor para Membro de Mérito José Paulo Matias, atual presidente da Associação de Patinagem de Minho.

José Paulo Matias iniciou a sua atividade como árbitro de hóquei em patins em 1992, sendo sócio fundador da Associação Nacional de Árbitros de Hóquei em Patins. Em 1993 assumiu a presidência do Conselho Regional de Arbitragem do Minho (CRAHP).

Em 2002 foi eleito Presidente da Direção da Associação de Patinagem do Minho, cargo que desempenhou até 2012, quando assumiu funções de Presidente da Mesa da Assembleia-Geral do Minho. Em 2021 voltou a ser eleito para Presidente da Direção da Associação de Patinagem do Minho, para o quadriénio 2021-2024.

Distinguido várias vezes com votos de louvor, foi condecorado em 2012 com a “Insígnia de Oro” da Federação Galega de Patinagem e é Sócio de Mérito da Associação de Patinagem do Minho desde 2014.

Com esta votação por unanimidade, José Paulo Matias é agora Membro de Mérito da Federação de Patinagem de Portugal, facto com o qual a Direção da FPP se congratula.

No terceiro ponto desta Assembleia Geral foi reprovada a proposta para expulsão da Associação de Patinagem de Algarve, que mantém-se assim ativa mas com atividade suspensa.

Num último momento, o Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Fernando Elias Claro, anunciou que “é tempo de colocar, também, um ponto final à minha já longa carreira de dirigente desportivo, a nível nacional”, terminando assim uma carreira de mais de 44 anos dedicados à Patinagem.

A Federação de Patinagem de Portugal agradece todo o trabalho dedicado à nossa modalidade. 

Categorias: FPP

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.