A árbitra internacional Sílvia Coelho foi, na última 5ª feira, dia 17 de outubro, reconhecida pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) pelo seu contributo para a promoção do Cartão Branco, na cerimónia realizada no Museu Nacional do Desporto.

O Cartão Branco é uma iniciativa do IPDJ, através do Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED), em parceria com a CAJAP – Confederação das Associações de Juízes e Árbitros de Portugal e a Coca-Cola. Consiste num “recurso pedagógico, pioneiro em Portugal, que visa reconhecer e destacar comportamentos eticamente relevantes na prática desportiva, realizados por atletas, treinadores/as, dirigentes, público e outros agentes desportivos”.

Ludovino Ferreira (Presidente Conselho de Arbitragem), Sílvia Coelho (árbitra de hóquei em patins) e Luís Sénica (Presidente da FPP)

Sílvia Coelho foi guarda-redes de hóquei em patins durante 10 anos. Tirou o curso de treinadora e de árbitra ainda enquanto jogadora. Após deixar os patins, foi treinadora e depois, desafiada por amigos, abraçou a arbitragem, há 13 anos.

Subiu à 1ª divisão em 2016/17 e estreou-se como árbitra internacional em 2017/18.

Considera que este reconhecimento se deve à forma pedagógica como encara a arbitragem e o papel do árbitro no jogo, bem como à relação de respeito que estabelece com todos os intervenientes no jogo, em todos os escalões.

Sílvia Coelho foi reconhecida juntamente com outros três árbitros, todos do mundo do futebol.


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Toor

Patrocinadores Oficiais do Hóquei em Patins