Em 2003, em Oliveira de Azeméis, Portugal sagrava-se campeão do Mundo pela 15ª vez na sua história.
O regresso ao palco maior demorou 14 anos, mas, na primeira edição dos Roller Games, o campeão Europeu não falhará a presença no jogo decisivo de um evento inédito.
Portugal carimbou a passagem ŕ final de forma clara e inequívoca, batendo a actual campeã do Mundo, Argentina, por esclarecedores 5-0.
Depois de uma primeira parte sem golos, Reinaldo Ventura deu o mote.
Hélder Nunes bisou antes de Reinaldo voltar a marcar, e Hélder voltaria a marcar já sobre o apito.
Num “score”” expressivo, destaque também para a solidez defensiva de Portugal, com Ângelo Girão intransponível, negando mesmo quatro oportunidades de bolas paradas aos argentinos.
A final disputa-se este sábado, a partir das 11h30 de Portugal continental, e contará com transmissão em directo na RTP1.
Ficha de jogo Resultado final: Portugal, 5 – Argentina, 0 (0-0 ao intervalo) Portugal: Ângelo Girão (gr), Hélder Nunes (3), Diogo Rafael, Reinaldo Ventura (2) e João Rodrigues – cinco inicial – Ricardo Barreiros, Henrique Magalhães, Gonçalo Alves, Rafa e Pedro Henriques (gr).
Treinador: Luís Sénica.
Argentina: Valenti Grimalt (gr), Matías Platero, Carlos Nicolía, Reinaldo Garcia e Lucas Ordońez – cinco inicial – Matías Pascual, Carlos López, Pablo Alvarez, Gonzalo Romero e Pablo Gomez (gr).
Treinador: Dario Giuliani.
Disciplina: Azul a Gonçalo Alves (2), Matías Platero e Reinaldo Garcia.


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Toor

Patrocinadores Oficiais do Hóquei em Patins