Portugal faz-se representar por três atletas juniores e três seniores neste Mundial e, nos primeiros dias de provas, o destaque vai para a participação de Diogo Marreiros e Martyn Dias na prova de 10,000 metros Pontos / Eliminação.
Respectivamente, 6º e 10º, lograram colocar duplamente o nome de Portugal nos 10 finais, algo que só a Colômbia – maior potência da disciplina – também conseguiu.
Os dois consagrados atletas estiveram também na final de 1,000 Sprint, com Marreiros a alcançar o 14º lugar e Dias a chegar ao 25º, entre um 61 participantes.
Na prova mais curta de 500 metros, Ricardo Esteves terminou em 22º entre 47 participantes.
Antes, Diogo Marreiros, na prova de 15,000 metros Eliminação, já alcançara um 10º lugar.
Juniores Entre a representação júnior, merece particular realce a prova de 10,000 metros Pontos/Eliminação, em que Miguel Bravo chegou com os últimos – e, a eliminar, os últimos são literalmente os primeiros – e concluiu num excelente 6º lugar.
Na mesma prova, Nuno Pacheco quedou-se pela 29ª posição final.
Bravo e Pacheco marcaram também presença na decisão de 15,000 metros Eliminação, terminando, respectivamente, em 12º e 21º, e Tomás Rocha, nos 500 metros Sprint, logrou o 23º lugar.
A Colômbia tem dominado a competição, conquistando metade dos títulos (12) que estiveram em disputa em pista, seguindo-se a Itália, com “apenas”” três conquistados.
Esta quarta-feira, no maior evento do Mundo de Patinagem de Velocidade, têm início as provas de estrada.
Recordamos os atletas que representam Portugal em Nanjing: Juniores Masculinos Miguel Bravo (APVA) Nuno Pacheco (Roller Lagos) Tomás Rocha (Roller Lagos) Seniores Masculinos Diogo Marreiros (Roller Lagos) Martyn Dias (Roller Lagos) Ricardo Esteves (ADAC Canelas)”


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.